domingo, 29 de abril de 2012

O grande livro das palavras


O fascínio das letras continua e elas continuam a preencher os nossos dias. Encontramo-las por todo o lado e estamos tão entusiasmados que todo o nosso tempo livre é aproveitado para construir novos livros. Neste momento estamos a construir o grande livro das palavras. E como é que fazemos? Temos a mesa da construção de livros, onde há cartolinas de muitas cores, folhas brancas, lapiz de cor,canetas, tesouras e cola. Quando nos lembramos de uma letra, procuramos descobrir palavras que começam por essa letra. Depois "partimos" a palavra aos bocadinhos (divisão silábica), dizemos as sílabas em voz alta, escutamos os sons e tentamos descobrir a que letras correspondem. Quando já temos a palavra escrita (algumas um bocado atrapalhadas, como o hipopótamo ou o rebuçado), escrevemo-la e fazemos o desenho correspondente para que, quem não souber ler, possa descobrir o que é que lá está escrito. Ainda faltam algumas letras e algumas palavras… Andamos à procura… Já descobrimos duas palavras começadas por Z: São a palavra Zebra e a palavra Zulmira, que é o nome da avó do João. Ao que parece ninguém consegue desenhar uma zebra. A Patrícia, que é uma grande desenhadora, tem andado a treinar, mas ainda não conseguiu. Só a Iara é que conseguiu fazer uma Zebra mas no Clic e portanto não se pode pôr no livro. Quanto à avó Zulmira a Mariana Neves já a desenhou uma vez, mas o João diz que não está nada parecida e portanto não serve para o livro. Também foi uma grande confusão com o X… O Rodrigo Bernardo sugeriu a palavra “Xoné”, mas ninguém sabe o que é nem como a desenhar… Outro menino que eu não vou dizer quem é, sugeriu a palavra “xixi”, mas ainda não sabemos se se escreve com X ou com CH e depois de se ter dito a palavra começaram todos a rir à gargalhada (porque seria?) e já não conseguimos fazer mais nada. Até foi divertido, mas não ajudou na construção do nosso livro. Vamos ver se conseguimos esquecê-la (duvido!) e descobrir outra que seja do nosso vocabulário diário... Ah, e não queremos xilofone porque é muito comprida, como rebuçado e hipopótamo e também é um bocado estranha e ainda a íamos escrever mal. Portanto ainda não temos nenhuma palavra começada por W,X,Y e Z. Se tiverem alguma sugestão por favor digam-nos. É que nós já estamos cansados de tanto pensar!

sábado, 28 de abril de 2012

Clube de leitura

Porque a leitura é muito importante, porque gostamos muito de ouvir e de contar histórias e porque gostamos de momentos felizes, na nossa sala abrimos um clube de leitura. Funciona sempre que queremos e está a funcionar no cantinho do descanso.
Nós gostamos muito de ir para lá. É calmo, sossegadinho, e além das histórias que vemos, ouvimos e contamos, ainda podemos conversar, rir, fazer patetices e ter um bocadinho de colo, que aos quatro e aos cinco anos é uma coisa que sabe sempre bem...
Querem ver o que por lá fazemos...

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Sou especial porque...

A ideia não é minha, é da educadora Magda e da Drª Raquel do CAF (componente de apoio à família). É muito gratificante quando se trabalha com uma equipa que tem connosco um objetivo comum: ir ao encontro das necessidades e interesses das crianças, e mais do que agarrar-se a teorias que nem sempre resultam e guardar as suas ideias no segredo dos deuses, ou numa caixinha só sua, as põe em comum e em prática , tendo em mente principalmente o bem estar das crianças. "O que eu quero é que eles sejam felizes", dizia o grande Sebastião da Gama quando se referia aos seus alunos. Pois este também tem sido o nosso lema ao longo destes dois anos de trabalho. Talvez seja por isso que vai correndo tão bem.
"Sou especial porque", é uma boa forma de trabalhar a auto estima. E eles são mesmo especiais... Em poucas palavras conseguem mostrar bem as suas principais características, confirmadas depois pelos amigos. Bonito e simples, comovente e verdadeiro. Sim, eles são mesmo muito especiais

segunda-feira, 23 de abril de 2012

O Dia Internacional do livro no Jardim de Infância

Hoje, Dia Mundial do Livro, tivemos um dia bem atarefado. Logo de manhã, cada criança construiu o seu livrinho de bolso, que será preenchido até ao final do ano... Foi uma azáfama mas conseguimos. E sabem que mais? Ficaram bem engraçados! Agora falta fazer a capa, a contracapa, e não tem lombada porque é mesmo muito pequenino. Estamos mortinhos para que chegue amanhã!



Oficialmente foi inaugurado o hospital do livro. Tem como objetivo curar alguns livros, que por estarem já idosos ou por terem sofrido maus tratos precisem de reconstrução. A Inês Almeida trouxe o seu livro "Se tu visses o que eu vi", de António Mota, que sofreu um acidente e perdeu a capa. Temos a certeza absoluta que depois do internamento vai ficar como novo e vai de novo poder ser lido.
Durante a hora do conto ouvimos de novo o "É um livro", de que gostamos muito. Desta vez quem contou a história foi a Inês Dias que já o sabe de cor.


Também começámos uma história redonda que se chama: "Era uma vez um livro", já está quase pronta e está fantástica.
E quando lhes pedi que me explicassem o que queria dizer a frase "um livro é um amigo", as respostas não se fizeram esperar. São muito crescidos estes meninos. Querem saber as respostas?
"Um livro é um amigo porque nos ensina muitas coisas. Serve para ler" Margarida, 5anos
"Conta muitas coisas, histórias, coisas engraçadas e até nos ensina a fazer trabalhos de natal, de primavera e de outras coisas também" João, 5 anos
"Um livro diz sempre coisas muito importantes. É o que diz o meu Pai!" - Jonas Pinto, 6 anos
"Ensina muitas coisas"- Jonas Dias, 6 anos
"Até ensina a ler!"- Joana, 5 anos
"Pois é, os livros ensinam a ler porque são feitos com letras" - Gustavo Deveza, 5 anos
"Tem muitas páginas. As páginas do livro são folhas de papel cheias de letras e de palavras" - Rodrigo Aiveca, 5 anos
"Os livros trazem mensagens" - Gustavo Martins
"Os livros também têm desenhos. Os desenhos dos livros chamam-se ilustrações" Santiago- 6 anos
"Os desenhos dos livros também trazem mensagens e contam histórias. Eu gosto dos livros que têm desenhos" Gustavo Cordeiro (Gugas), 5 anos
"Têm capa, contracapa e lombada"- Jonas Pinto
"É pá esqueceste-te da cota" - Rodrigo Almeida, 5 anos
"Ensina coisas do corpo e quando se quer saber qualquer coisa também se pode pesquisar nos livros"  Mariana Costa, 5 anos
"Os livros dos bebés também podem ter coisas de brincar, mas o Martim(o irmão mais novo), já fez dois anos, ainda é um bocadinho bebé mas já só gosta de livros de crescido. Eu também gosto muito de livros!" - Inês Dias
Então, são ou não são muito crescidos?
Ah... E já me esquecia, também começámos a pintar o nosso planeta terra. querem ver como está a ficar?
Bom, e por hoje já não há mais novidades...


domingo, 22 de abril de 2012

Notícias da nossa sala

São muitas as notícias da nossa sala. A semana foi trabalhosa e nós temos muitas coisas para contar. A primeira, e mais importante, é que hoje é dia da Terra, e o tema Terra está no centro de todas as brincadeiras. Por isso, na nossa sala, o planeta terra ainda está em construção. Aqui estão a Bia e o Henrique a construí-la no quadro.
Também a fizemos em papel, para integrar no sistema solar, mas ainda falta um bocadinho para estar terminada...
Mas fizemos a carta da Terra e colámo-la no chão do corredor de acesso à sala para que todos a possam ver. Ficou bem bonita, mas ocupou o corredor todo!

A Ritinha foi operada à garganta, mas correu tudo bem e amanhã já está de volta. Ainda bem Rita, porque já estamos com muitas saudades tuas!
O João já voltou de Paris e partilhou connosco algumas fotografias. Foi um entusiasmo! Aqui está ele com o Tomás, o irmão mais velho, no Museu de História Natural!...
As nossas flores estão finalmente prontas e ficaram muito bonitas. Olhem a da Bia Vicente. Está linda, não está? Assim que pudermos fazemos um power point e mostramos as outras. Estão um espanto!
As letras continuam a invadir a nossa sala e saltam de onde menos se espera, até da plasticina. E sabem uma grande novidade, o Rodrigo Bernardo já sabe ler, a sério, sabe mesmo. Ele até já leu as palavras "Nigéria" e "Moçambique", quando estavamos a ver o mapa de África. E olhem que estas são umas palavras mesmo muito difíceis!
O clic continua na ordem do dia e todos gostam muito de lá brincar. Os meninos fazem power rangers e as meninas fazem animais e acessórios de moda. Querem ver? A Joana e a Inês Almeida estão a construir outro cão. Este chama-se Bobi...
E olhem lá como a Mariana ficou bonita com uma fita de índio toda feitinha de clic. E a Margarida também está a acabar a dela...
                                                  E finalmente as notícias da nossa horta...
E por hoje é tudo... Boa semana para todos!

quarta-feira, 18 de abril de 2012

Hoje é dia de miminhos...

Um encanto para os olhos, um aconchego para o coração e sobretudo uma mensagem que devemos passar às nossas crianças...




(Na nossa sala o passarinho tem um nome, é Henrique...:) . Há muito tempo que o Henrique treina o seu assobio sem nunca desistir. É digno de ser visto!)

sexta-feira, 13 de abril de 2012

Uma horta no Jardim...

"A nossa horta ficou muito bonita" - Rodrigo, 5 anos
"As nossas plantinhas estão mesmo fortes e bonitas. Acho que é porque estão felizes..." - Santiago, 6 anos

"Estivemos a escavar a terra. Fizemos um buraco e pusemos lá as plantinhas. Depois pusemos outra vez terra e tapamos muito bem, que as plantinhas gostam de ficar bem tapadas a descansar..." - Joana, 5 anos.

"Agora temos que cuidar muito bem delas, dar-lhes aguinha e muito sol..." - Catarina, 5 anos
"E saber esperar, para não acontecer como aconteceu ao Senhor Luís da história (Ainda nada), que não esperou e o pássaro levou a flor" - Mariana, 5 anos.
"Transplantámos muita coisa: milho, cenouras, favas, tomates, salsa..."
"Eu detesto salsa..." - Patrícia, 5 anos
"Nabos, curgetes, abóboras, coentros, espinafres e alfaces" - Todos...
"Eu plantei nabos e nabiças..." - Henrique, 4 anos


quarta-feira, 4 de abril de 2012

Páscoa Feliz

De todos nós, para todos vós, com votos de Páscoa Feliz!...


Patrícia - 5 anos

segunda-feira, 2 de abril de 2012

Palavras para quê?...

Palavras para quê?
São artistas portuguesas e sabem muito bem o que estão a fazer...
Nunca chegaram a acordo, mas divertiram-se imenso.:)))
Mais um momento diário da nossa sala...