segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

Reencontro



Foi muito feliz o nosso reencontro. A verdade é que estávamos cheiinhos de saudades!...
...E quando a saudade aperta, o reencontro faz com que tudo pareça diferente, melhor e mais bonito.
Que bom que estamos juntos de novo!
Por isso, hoje o dia foi muito pequeno e muito divertido.
Hoje de manhã, quando íamos começar a fazer um trabalho numa caixa muito grande descobrimos que nos podíamos esconder dentro dela e fingir que tínhamos desaparecido por magia. Foi uma festa. Inventámos uma palavra mágica e tivemos mais de uma hora a aparecer e desaparecer dentro da caixa. Se não tivesse chegado a hora do almoço acho que ainda estávamos a brincar aquela brincadeira, porque foi uma brincadeira "mesmo fixe!», para usar as palavras do Rodrigo Almeida.
Á tarde estivemos a fazer uma notícia para o jornal da escola, enquanto a Sónia preparava um trabalho de Psicogénese da leitura e da escrita, com os mais crescidos. É muito engraçado observar o modo como a escrita se estrutura nas suas cabecinhas. Querem saber como foi?
Primeiro a Sónia pediu a uma das crianças para desenhar a família mais chegada e depois para escrever o nome de cada um dos seus elementos. A criança assim fez, e ao mais alto atribuiu o nome mais comprido, e ao bebé o nome com menos letras. Depois pediu-lhe que escrevesse formiga e gato, e mais uma vez a criança atribuiu ao animal maior a palavra maior. Depois pediu-lhe que escrevesse uma palavra grande e ele escolheu a palavra gigante, e como era tão grande, pediu uma régua para a apoiar e poder medir. Para pequena voltou a escolher gato. Por fim foi-lhe pedido que escrevesse uma palavra que não existia. Ele escreveu uma enfiada de letras enorme, ainda maior que gigante, e atribui-lhe um significado: Monstro. E comentou que “é uma palavra tão monstruosa que nem se consegue ler".
Bem interessante observá-los...


9 comentários:

Um Poema disse...

....

Um reencontro, qualquer reencontro, é sempre bom quando de um e outro lado existe carinho.

Vou adicionar-te aos blogues que estou a seguir.

Um abraço

sorrisos disse...

Um (re)encontro feliz. É natural que as crianças sintam saudades de uma pessoa como tu. Continua com esse espírito de criança, pois alimenta a nossa acção. Afinal somos sempre criança, basta querer.
Maria das Dores

Educadora de Infância disse...

Olá Luz e meninos da Branoa,

Ainda bem que o vosso reencontro foi tão feliz assim...

Queríamos dizer-vos que goistamos muito da vossa ideia da "Panela das Histórias" e que estamos já a tratar do assunto... aguardem novidades para um destes dias!

Beijinhos para todos da Sala do Arco-íris do Jardim de Cruzeiro

Rute disse...

É bom reencontrar as pessoas de quem gostamos. E foi bom reencontrar-vos de novo aqui.

beijinhos

Sala Amarela do JI Vasco da Gama disse...

Ola meninos e Luz


...è verdade, o reencontro sabe sempre melhor quando a saudade aperta.
Nós sentimos o mesmo...que bom que foi voltar.

Somos os Amarelinhos do JI Vasco da Gama no Porto e gostamos muito do vosso blog.
Querem espreitar o nosso??? Ficamos à espera...
Beijinhos com desejos de dias cheios de muitas aventuras...

Educadora de Infância disse...

Olá Luz e meninos,

Deixamos um miminho para vocês no nosso blogue!

Beijinhos doa amigos da Sala do Arco-íris do Jardim de Cruzeiro, Viana do Castelo

Sala Amarela do JI Vasco da Gama disse...

Ola Meninos, Ola Luz

Passem no nosso blog para receberem um «carinho».

Beijinhos dos Amarelinhos e da Ana Barroca

Os cabaninhas disse...

Olá amiguinhos,
hoje passámos por aí e gostámos do passeio.
Somos "Os Cabaninhas" e temos o nosso cantinho na margem sul, perto de Palmela, esperamos também pela vossa visita virtual...
Beijinhos.

aninhas disse...

Olá. Deixei um premio no meu blog.

Bjinhos