sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

As nossas flores...

Parece que as nossas flores andam a intrigar os nossos amigos... Que flores são estas? Porque é que uma está a rir e a outra a chorar?

Bom, estas flores já não são novas, já são do ano passado e são...(Isto é um segredo), elas são mágicas!
Então vamos lá explicar:
Como apareceram? Estas flores foram criadas por nós, no âmbito do "Programa de promoção de competências pessoais e sociais", mais conhecido pelo "Nino e Nina" promovido pela Câmara Municipal de Oeiras em parceria com a Associação Prevenir.
Um dos itens do programa era a criação de regras de conduta em contexto de sala de aula e na nossa sala, para representar as regras, criámos duas flores. Uma triste, quando não cumprimos as regras acordadas entre nós e uma feliz porque conseguimos cumprir.
E porque é que não são do mesmo tamanho? Vamos explicar. Cada uma das flores tem escrito nas folhas o que nós achamos importante para que o nosso dia corra bem, como por exemplo: Estou feliz se os meninos falam baixo dentro da sala, ou estou triste se os meninos correrem dentro da sala...
Todos os dias, no fim do dia, no tempo de avaliação nós analisamos como é que o dia correu. Se correu bem, o chefe da sala pinta uma flor amarela. Se correu mal pinta uma flor azul e coloca-a no painel junto ao mapa das presenças.
E porque é que são mágicas? Porque elas crescem consoante nós cumprimos ou não as regras. Se no fim da semana tivermos mais flores amarelas, então a flor amarela fica mais alta. Se tivermos mais azuis, fica mais alta a azul. O objectivo é que a amarela seja sempre a maior e, felizmente, desde que criámos as nossas flores, só três vezes é que a flor azul foi mais alta. Então amigos já perceberam agora qual é a função das nossas flores?
Bom fim-de-semana para todos vós!
Meninos da sala das estrelinhas

5 comentários:

Isabel Preto disse...

Maravilhosa ideia e, como adoro magia, acho essas flores extraordinárias! Continuem a ter a Flor Amarela mais alta que a azul, prometem, meninos?
Beijinhos

M. Jesus Sousa (Juca) disse...

Bem me parecia que essas lindas flores tinham algo de parecido com os nossos "fixes", o triste acontece quando a luzinha do coração se apaga e o contente quando a luzinha do coração está sempre acesa.
Que bonita ideia, vou pensar nessa parte de crescer com o número de ocorrências...
Há mesmo coisas mágicas que aparecem nas salas dos Jardins de infância!

Bjs, Juca e Sala Fixe

graça disse...

gostei mesmo desta ideia, bem bonita...
Na minha sala todos os dias se faz a avaliação, mas...sem esta magia... Gostei mesmo... Parabéns.
graça

Lenita disse...

Nós tamém já estamos a avaliar, mas ainda não temos um registo ou quadro para o efeito! As vossas flores são fantásticas, uma excelente ideia!
Excelente como a educadora Luz e estes meninos.
Bjs

Flávia Maria disse...

Um conceito bem interessante..." O crescimento" pessoal e social;
Como ser individual , assim como , cada um inserido num grupo com responsabilidades colectivas.A analogia encontrada está muito bem conseguida.

Um beijinho a todos.